Brasil Obtém Acordo de “Pre-listing” com Chile para Exportação de Ovos

Parceria impulsiona exportação de ovos brasileiros, fortalecendo laços entre Brasil e Chile no setor agrícola

Ovos.


O Brasil alcançou um marco significativo no setor agrícola com a obtenção de um acordo de "pre-listing" com o Chile para a exportação de ovos. O anúncio foi feito pelo governo brasileiro, que expressou satisfação pelo reconhecimento, por parte das autoridades chilenas, da equivalência de sistemas de inspeção sanitária para as exportações brasileiras desse produto essencial.

O processo de "pre-listing" é um reflexo da alta confiança depositada no sistema de controle sanitário nacional brasileiro. Esse procedimento permite que o Ministério de Agricultura do Chile conceda ao Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) do Brasil a autoridade para certificar e habilitar estabelecimentos previamente auditados. Além disso, o acordo inclui a promissora possibilidade de habilitar outras unidades produtivas que atendam aos rigorosos requisitos estabelecidos pelas autoridades chilenas.

Durante os primeiros onze meses deste ano, o Chile se destacou como o sétimo maior importador de ovos do Brasil, totalizando mais de US$ 7 milhões em aquisições desse produto. Com o reconhecimento do sistema brasileiro pelas autoridades chilenas, espera-se que o Brasil fortaleça sua presença no mercado chileno, contribuindo significativamente para garantir a segurança alimentar no país.

Os números revelam a importância crescente das relações comerciais entre o Brasil e o Chile. Somente neste ano, as exportações brasileiras para o Chile atingiram a impressionante marca de US$ 1,6 bilhão, destacando-se produtos como carnes, itens do complexo sucroenergético e produtos florestais. Em contrapartida, as importações brasileiras provenientes do Chile totalizaram US$ 1,3 bilhão, com notável destaque para pescados, frutas e bebidas.

Esse resultado positivo não teria sido possível sem a estreita coordenação entre o Ministério das Relações Exteriores (MRE) e o Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA). A parceria entre esses dois órgãos governamentais foi essencial para superar desafios e promover a qualidade e segurança dos produtos agrícolas brasileiros no cenário internacional.

O acordo de "pre-listing" representa um avanço significativo nas relações bilaterais entre o Brasil e o Chile, abrindo novas oportunidades para o setor agrícola e fortalecendo ainda mais os laços comerciais entre as duas nações. A notícia é recebida com entusiasmo pelos produtores de ovos no Brasil, que agora têm a perspectiva de expandir seus horizontes no mercado chileno e contribuir para o crescimento sustentável do setor.


Reportagem por Amanhecer Agrícola
Fonte: Mapa
Foto: Divulgação/Mapa

Postar um comentário

0 Comentários