Mapa promove Seminário para auxiliar na formalização de agroindústrias em estados do Nordeste

seminário


No dia 28 de junho, o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) realizou o Seminário "Abrindo caminhos para a formalização e valorização das agroindústrias: orientações para adesão ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal (Sisbi/POV)" em Teresina, Piauí. O evento teve como objetivo fornecer orientações e informações sobre os requisitos, procedimentos e documentações necessários para a adesão ao Sisbi/POV nos estados do Piauí, Ceará, Maranhão e Rio Grande do Norte. 

A adesão ao Sisbi/POV traz inúmeros benefícios para os agricultores dessas regiões, além de contribuir para a ampliação de mercado e agregação de valor aos produtos de origem vegetal, como a cajuína e as polpas de fruta. A certificação proporciona o aumento da renda dos agricultores, ao mesmo tempo em que garante a qualidade dos produtos que chegam à mesa do consumidor.

O seminário contou com a participação de mais de 150 pessoas nos quatro estados, incluindo gestores públicos, consórcios municipais, agroindústrias, cooperativas e associações de produtores. As palestras abordaram temas como a legislação de inspeção de produtos de origem vegetal e os procedimentos para reconhecimento da equivalência e adesão ao Sisbi/POV.

Para os agricultores, como Adriane Jesus Frota, associada à Cooperativa dos Produtores de Cajuína do Piauí (Cajuesp), o seminário representou uma oportunidade de entender como qualificar seus produtos. Ela ressaltou a importância da certificação para garantir mais mercado e segurança para o consumidor, bem como a permanência dos agricultores nessa atividade.



Veja mais (a reportagem continua): Importações excessivas geram crise inédita na cadeia do leite em Santa Catarina



Hugo Caruso, diretor da Divisão de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal da Secretaria de Defesa Sanitária (SDA/Mapa), destacou a importância de garantir a qualidade e segurança dos alimentos de origem vegetal. Ele ressaltou que a adesão ao Sisbi/POV beneficia diretamente a população, além de estimular a regularização de empresas, contribuindo para o crescimento econômico, geração de emprego e renda.

Paulo Melo, diretor técnico do Nordeste+Sustentável, da Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo (SDI/Mapa), enfatizou a importância da colaboração entre o Mapa, o Sebrae e o governo estadual na promoção da formalização e consolidação das agroindústrias no Nordeste. Ele ressaltou que valorizar esse setor é uma estratégia fundamental para agregar valor aos produtos e fortalecer a economia local.

O seminário contou com o apoio do Sebrae PI e da Secretaria de Assistência Técnica e Defesa Agropecuária do Estado (Sada), além das equipes da SDA, SDI e da Superintendência Federal de Agricultura (SFA/PI). Autoridades como o secretário da Sada, Fábio Abreu, o Superintendente Federal de Agricultura do Mapa, Marco Maia, e o diretor-geral da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Piauí (Adapi/Sada), João Rodrigues, também estiveram presentes no evento.

O Seminário "Abrindo caminhos para a formalização e valorização das agroindústrias" representa um passo importante para incentivar o crescimento e desenvolvimento sustentável das agroindústrias nos estados do Nordeste. 


Fonte e foto: gov.br

Postar um comentário

0 Comentários