Preços do trigo registram variações no Paraná e Rio Grande do Sul

Os valores médios do trigo, segundo o CEPEA/ESALQ, apresentaram oscilações nos últimos dias nos estados do Paraná e Rio Grande do Sul. Confira as variações e os impactos no mercado agrícola.

Campo de trigo

Nos últimos dias, os preços médios do trigo nos estados do Paraná e Rio Grande do Sul, os dois maiores produtores de trigo do país, têm apresentado variações significativas, de acordo com dados divulgados pelo CEPEA/ESALQ. Essas flutuações têm gerado impactos no mercado agrícola e chamado a atenção dos produtores e consumidores.

No Paraná, um dos maiores produtores de trigo do país junto com o Rio Grande do Sul, o preço médio por tonelada foi de R$1.361,30 no dia 30 de junho de 2023, registrando uma leve queda de 0,02% em relação ao dia anterior. No entanto, em comparação com o mês anterior, houve uma queda mais expressiva, de 3,67%. Em valores em dólar, o trigo no Paraná alcançou US$284,02 por tonelada.

No dia 29 de junho de 2023, o preço médio por tonelada foi de R$1.361,51, tendo uma leve queda de 0,08% em compração com o dia anterior e -3,66% em compração com o mês anterior.



Analisando a série histórica, observa-se que o preço médio do trigo no Paraná teve uma tendência de queda nas últimas semanas, com algumas oscilações diárias. Essas variações podem estar relacionadas a fatores como oferta e demanda, condições climáticas e oscilações do mercado internacional.



Veja mais (a reportagem continua): Mapa promove Seminário para auxiliar na formalização de agroindústrias em estados do Nordeste




Já no Rio Grande do Sul o preço médio por tonelada foi de R$1.291,98 no dia 30 de junho de 2023. Em comparação com o dia anterior, houve uma queda de 0,40%. No entanto, em relação ao mês anterior, o estado registrou um aumento de 3,84%. Em valores em dólar, o trigo no Rio Grande do Sul atingiu US$269,56 por tonelada.

No dia 29, o preço médio por tonelada foi de R$1.297,16, representando uma queda de 0,21% em relação ao dia anterior mas um aumento de 4,26% em relação ao mês anterior.

Diferentemente do Paraná, a tendência dos preços médios do trigo no Rio Grande do Sul tem sido de leve alta nas últimas semanas, com algumas variações diárias. Essas flutuações podem ser atribuídas a fatores como sazonalidade da safra, exportações e importações, e condições climáticas específicas da região.

As oscilações nos preços do trigo nos estados do Paraná e Rio Grande do Sul refletem a dinâmica do mercado agrícola, que é influenciado por diversos fatores. Acompanhar essas variações e entender suas causas é fundamental para o setor agrícola, visando à tomada de decisões assertivas e ao planejamento estratégico.

É importante ressaltar que os dados apresentados são referentes aos últimos dias e podem sofrer alterações ao longo do tempo. Acompanhar as atualizações e buscar informações complementares junto a fontes confiáveis é fundamental para uma análise mais precisa e atualizada sobre o mercado de trigo.


Fonte: Cepea

Postar um comentário

0 Comentários